23/04/2010

V Mostra de Artesanato Urbano


V Mostra de Artesanato Urbano Maraluna no Jardim Zoológico
Dia 2 de Maio das 10h00 às 20h00
Jardim Zoológico (Zona do Coreto - acesso livre)

Venha descobrir uma original variedade de artesanato urbano, acessórios pessoais e decorativos inspirados pela criatividade e design.

Workshops, Pinturas faciais entre outras surpresas! Visitem-nos!

22/04/2010

Prato "Primavera"





Ref.037

Prato de vidro (manual) com aplicação de flor e folhas em biscuit

Indisponível

18/04/2010

Jarra "Flor amarela"


Ref.036

Jarra em vidro soprado, com aplicação em biscuit

Indisponível

15/04/2010

Para onde foi a Primavera?

A Primavera volta a brincar às escondidas... Que dias maravilhosos, os da semana passada! Convencemo-nos de que o Inverno se tinha retirado e que encaloradas tardes, em Abril, eliminariam da nossa memória um dos mais rigorosos Invernos das últimas décadas... E, então, veio de novo a chuva,... 

O Apolo é um cão com uma energia infindável! Mistura de labrador com pastor alemão, ganhou da mãe a meiguice e do pai a altivez. E ninguém sabe aproveitar melhor as tardes quentes do que ele!

Na praia, encantado com a areia.

Descansando à sombra.

"Que sede!"

Aguardamos ansiosos o regresso do sol, o meu filho, eu e o Apolo, para retomarmos os passeios interrompidos.

08/04/2010

Incentivos...

No jornal "O Globo" vem hoje um artigo sobre uma Feira de Artesanato a realizar no Rio de Janeiro. Até aí, nada de novo. O que me chamou a atenção foram os apoios dados aos artesãos. As microempresas, têm, neste momento, destaque nos planos de desenvolvimento económico de um gigante que cresce 5% ao ano. Num país onde a classe média era quase inexistente, hoje 49% da população enquadra-se nesse padrão e, sem dúvida, os incentivos dados aos pequenos empresários têm sido fundamentais para que esse resultado tenha sido alcançado.

"RIO - A maior feira de capacitação em artesanato do Estado do Rio, a Rio Artes Manuais, chega à sua quarta edição trazendo uma importante novidade: este ano, contará com o patrocínio da Caixa Econômica Federal, que vai oferecer linhas de crédito direcionadas aos artesãos.(...)
Outra novidade será a participação do Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), que terá um estande que oferecerá dois tipos de serviços: orientações individuais para o artesão e uma grade de palestras com os temas "Empreendedor individual", "Formação de preço final para produtos artesanais" e "Como inserir seu negócio no mercado eletrônico"
De acordo com a assessoria de imprensa do evento, a necessidade de firmar parcerias com instituições como a Caixa e o Sebrae foi diagnosticada por uma pesquisa, realizada pelo Instituto Informa, na 2ª edição da Rio Artes Manuais, em 2008, que teve a participação de 1.500 artesãos. O levantamento mostrou que muitos artesãos tinham dificuldades em vender a sua produção e desejavam saber como poderiam ter acesso a capital de giro e tornar seu negócio mais rentável. Diante disso, a organizadora da feira foi atrás dessas parcerias e conseguiu firmá-las após dois anos de conversações. (...)
...haverá uma feira de artesanato, com trabalhos de artesãos selecionados pelo Programa de Artesanato do Rio de Janeiro, além de barracas com produtos das oficinas de carnaval da Amebras (Associação das Mulheres Empreendedoras do Brasil) e do projeto Cestaria Botânica. Ao todo, serão mais de 100 artesãos expondo e vendendo suas peças.
...o objetivo da Rio Artes Manuais é capacitar os visitantes em todas as áreas de artesanato, oferecendo perspectivas de desenvolvimento econômico, através da geração de renda, de estímulo à cultura, ao incentivar o artesanato regional, e até mesmo promovendo saúde, já que as artes manuais são vistas como terapia ocupacional.(...)
No ano passado, 12 mil pessoas visitaram a feira e, este ano, a expectativa é de um público de cerca de 20 mil pessoas nos cinco dias de evento..."

Para quando este tipo de parcerias em Portugal? Quando poderão os artesãos contar com apoios que lhes permitam utilizar o seu trabalho em benefício da economia?

Para além da importância que tem o esforço dos pequenos empresários, há que não esquecer que o artesanato é a expressão de uma cultura e resulta da utilização de técnicas ancestrais, transmitidas ao longo de gerações. A criatividade dá forma a essas técnicas, dá-lhes a vida que resulta em peças únicas.

Parabéns Brasil, belo exemplo!

03/04/2010

Colar colecção "Jardim"

Ref.035

Colar em crochet, com argolas de madeira e madrepérola

Tabuleiro "Uvas"



Ref.034

Tabuleiro de madeira pintado à mão, com aplicação de pequeno tronco, uvas e folhas em biscuit

Indisponível

02/04/2010

Primavera!

Vistosas, as plantas cobrem o chão criando um tapete verde e rosa


As pequenas flores da amendoeira


A flor da pereira

Haverá coisa mais bonita do que a Natureza a festejar a Primavera? 

Anéis

Verde com calcita laranja Ref.030
Amarelo com argolas de madeira Ref.031
Azul com lápis-lazúli Ref.032
Castanho com madrepérola Ref.033


Técnicas ancestrais: o crochet. Materiais naturais: algodão, madeira, pedras semi-preciosas. Utilizar saberes antigos e respeitar o ambiente que nos rodeia são princípios chave da Novem. Desses dois princípios surgiram estes anéis, simples e graciosos.

Indisponível

01/04/2010

Colar colecção "Cores da Floresta"



Ref.029

Colar de fio de algodão, concha, sementes de açaí e fecho em crochet

Este colar evoca o Verão, quente como uma carícia do Sol...

Indisponível

Colares colecção "Cores da Floresta"



Ref.028

Colar de fio de algodão, com sementes de paxiúba e fecho em crochet

Colares colecção "Cores da Floresta"


Amarelo Ref.026
Vermelho Ref.027

Colares de fio de algodão com sementes de açaí e fecho em crochet

Colares frescos e primaveris!

Indisponível